Parceria entre prefeitura e Agência das Bacias PCJ destina R$ 1,6 milhão para meta de 100% do esgoto tratado em Jaguariúna

A prefeitura de Jaguariúna conseguiu uma verba de quase R$ 1,6 milhão para execução de projetos executivos visando a meta de 100% de tratamento de esgoto na cidade. Esse dinheiro vem através de uma parceria entre a administração municipal e a Agência das Bacias PCJ. A assinatura desse acordo, aconteceu nesta segunda-feira, 27 de agosto, no gabinete do prefeito Gustavo Reis.

Desta forma, a Agência ficará responsável por parte dos projetos no valor de R$ 570 mil, sendo que o R$ 1 milhão restante será destinado ao próprio município para contratação de empresas para fazer os demais projetos necessários.

“É um passo muito importante que damos no sentido de conseguir coletar e tratar todo esgoto da nossa cidade. Sozinho é sempre mais difícil trabalhar e por isso, ter a Agência das Bacias do PCJ como parceira facilita o processo e viabiliza o 100% do serviço para os próximos anos. É uma ação que melhora a qualidade de vida e de saúde pública, sendo nosso objetivo enquanto administração municipal”, comemorou o prefeito Gustavo Reis que recebeu representantes da entidade para oficializar essa etapa.

O Diretor-Presidente da entidade, Sergio Razera, foi um dos que esteve presente na prefeitura e explicou a estratégia adotada. “Trazemos essa verba e a viabilização do projeto com base em estudos outrora realizados em Jaguariúna que mostram a solução com maior vantagem operacional e por isso, estamos já com um primeiro passo se iniciando que é o dos projetos executivos que irão permitir e nortear, posteriormente, a execução das obras”.

Os objetivos do projeto do Sistema de Esgotamento Sanitário da cidade já foram traçados e englobam a ampliação de capacidade, adequação e otimização da Estação de Tratamento Esgoto (ETE) Camamducaia, além de ações técnicas que vão permitir imediata integração de áreas não atendidas e de empreendimentos imobiliários em construção, havendo ainda a elaboração de projeto executivo da nova Estação Elevatória de Esgoto Bruto Central, já com uma preliminar de unidade de tratamento.

Atualmente, o Departamento de Água e Esgoto (DAE) de Jaguariúna trata cerca de 65% do esgoto da cidade. A meta de chegar aos 100% irá nortear as ações dos próximos períodos, principalmente para viabilizar também a etapa seguinte que é a execução das obras em si, através da captação de recursos.

“Estamos bastante otimistas com essa parceria e com o início dos projetos executivos. Vamos trabalhar para conseguir ter também a verba necessária para executarmos os trabalhos o mais rápido possível e dar esse benefício aos nosso moradores”, destacou a vice prefeita e Secretária de Meio Ambiente, Rita Bergamasco que participou do encontro.

A diretora do DAE, Luciana Souza, também esteve presente na reunião. “Aqui na cidade, nosso departamento trabalha constantemente para melhorar o serviço prestado de abastecimento e tratamento da água, por isso, estamos sempre atentos a oportunidades e parceiros que nos ajudem neste sentido.”

  

Comentários