fbpx

Poeta de Amparo é premiado em Porto Alegre e RJ

O poeta, multiartista e produtor cultural Álvaro Luiz Cardoso esteve em Porto Alegre de 27 a 30 de outubro participando das diversas ações culturais comemorativas do aniversário de 10 Anos da “Poemas à Flor da Pele”, associação de poetas sediada em Porto Alegre-RS. No dia 28 de outubro foi condecorado com a Medalha de Primeiro Lugar no Concurso Internacional “Celebração 10 Anos Poemas à Flor da Pele” pelo poema “Outras Madalenas”, durante a festa temática “Baile de Máscaras”. Na ocasião recebeu também o Troféu “Destaque Literário 2016”, criado especialmente para o evento, juntamente com outros escritores de diversos cantos do Brasil que também obtiveram tal reconhecimento. O autor amparense foi ainda agraciado simbolicamente com um exemplar artesanal de um livrete de bolso com poemas de sua lavra, que também fazia parte da premiação do concurso. A festa aconteceu no Clube Sindifisco à Beira do famoso Lago Guaíba.

A título de informação, em 21 de outubro, o autor de Amparo – SP já havia obtido no Rio de Janeiro mais uma Medalha de Ouro, agora no VII Salão de Artes Visuais e Literatura da ABD e Museu Naval – DPHDM.

No dia 29, no período da manhã, ele participou com ênfase poética e performática do Sarau Poético da Celebração, em uma tenda de eventos da tradicional Feira do Livro de Porto Alegre que em sua 62ª edição atraiu um público grandioso nos seus primeiros dias. No período da tarde e noite, participou do lançamento da antologia comemorativa e fez sessão de autógrafos de seu livro de histórias “A Chácara da Dona Cota”, ricamente ilustrado pelo artista plástico Carlos Martins, prefaciado pela poetisa/musicista Lilia Rosa e editado pela Reverbo Editora de Campinas-SP.

A Feira do Livro de Porto Alegre é considerada a maior feira ao ar livre da América Latina, e é a terceira do Brasil em tamanho e importância cultural. O coletivo poético “Poemas à Flor da Pele” tem em sua presidência a escritora e editora Soninha Porto. Seus integrantes há 10 anos mantêm intensa atividade editorial e cultural.

O evento teve o apoio e cobertura do Jornal Sem Fronteiras da jornalista, escritora e editora Dyandreia Portugal, órgão especializado na divulgação cultural com representação em 27 países. Para saber mais, clique aqui.

  

Comentários