Polo Astronômico de Amparo confirma programação para o mês de junho

Entre as atrações que podem ser observadas pelo público nos próximos finais de semana estão alguns dos mais belos aglomerados abertos de estrelas e nebulosas, além de crateras e vales da Lua em sua fase crescente

O Polo Astronômico de Amparo, no interior de São Paulo, anunciou para junho uma programação especial de observação para o público. Serão ao todo 12 sessões noturnas divididas em quatro finais de semana. Quatro delas ocorrem às sextas-feiras, dias 3, 10, 17 e 24, além de outras oito aos sábados, dias 4, 11, 18 e 25 de junho.
As condições climáticas registradas entre o final do outono e a proximidade são consideradas ideais para quem gosta de observar o céu a olho nu ou através dos telescópios instalados no complexo.

“É um período menos chuvoso, portanto bem favorável para as observações astronômicas. É o que identificamos como a “alta temporada”, propícia para que as pessoas possam observar e conhecer detalhadamente os mistérios do céu”, explica o diretor do Polo Astronômico de Amparo, o professor Carlos Eduardo Mariano.

Entre as atrações do mês estão as constelações de Carina, Centaurus, Vela, Popa, Escorpião e o famoso Cruzeiro do Sul. Todas terão ótima visibilidade nas noites de observação. A nebulosa Eta de Carina e o distante aglomerado globular de estrelas Omega Centauri são outros atrativos visíveis pelos telescópios ao longo do mês.

Também haverá sessões dedicadas à Lua em sua fase crescente. É quando os telescópios são voltados para o astro vizinho para que os visitantes possam observar detalhes da superfície lunar, como crateras, montanhas e vales.

SOBRE AS SESSÕES
As sessões às sextas-feiras e aos sábados no complexo astronômico de Amparo são divididas em etapas. Primeiro, o visitante participa de uma simulação no Planetário, onde recebe explicações sobre o que será visto no observatório.

Depois, o público faz o reconhecimento do céu a olho nu e por último a observação com os telescópios, incluindo a visualização com o refletor de 650mm de abertura, que é o maior telescópio em operação no Estado de São Paulo e o maior do Brasil aberto ao público.

Cada visita tem duração estimada de duas horas. Às sextas-feiras, a única sessão começa às 20h30. Já aos sábados, o público pode participar de sessões das 19h às 21h ou das 21h15 às 23h15.

REGIÃO PRIVILEGIADA E FÁCIL DE CHEGAR

O Polo Astronômico, construído em 60 mil metros quadrados, próximo à Serra da Mantiqueira, foi inaugurado em setembro de 2015 em uma área privilegiada a cerca de 1.000 metros de altitude.

A região é livre de qualquer tipo de poluição luminosa direta. Por meio de uma lei municipal, todo o arredor do complexo foi declarado “Sítio para Observações Astronômicas”. A intenção da lei é impedir a presença de luz artificial que possa atrapalhar as atividades.

O observatório está localizado a 15 minutos do perímetro urbano de Amparo, com acesso pelo km 29 da Rodovia Benevenuto Moretto (SP-095), que liga Amparo a Bragança Paulista, bairro do Sertãozinho. O complexo ainda conta com estacionamento, com valor de R$ 12, e serviço de restaurante.

O ingresso para as sessões públicas custa R$ 60 (inteira), com 20% de desconto na compra antecipada até junho, e R$ 30 (meia-entrada) para estudantes com carteirinha, idosos, mediante a apresentação do RG, e professores.
A entrada pode ser comprada pelo site www.poloastronomicoamparo.com.br, onde também estão informações detalhadas da programação, ou pelo WhatsApp (19) 9.9295-9586.

PROGRAMAÇÃO – JUNHO/2022
Sexta-feira, 3 de junho
Sessão única: Planetário e observação de aglomerados de estrelas e nebulosas por meio de telescópios
Horário: 20h30

Sábado, 4 de junho
Primeira sessão:
 Planetário e observação da Lua crescente, aglomerados de estrelas e nebulosas por meio de telescópios
Horário:19h
Segunda sessão: Planetário e observação de aglomerados de estrelas e nebulosas por meio de telescópios
Horário: 21h10
Sexta-feira, 10 de junho
Sessão única: Planetário e observação da Lua crescente e aglomerados de estrelas por meio de telescópios
Horário: 20h30

Sábado, 11 de junho
Primeira sessão:
 Planetário e observação da Lua crescente e aglomerados de estrelas por meio de telescópios
Horário:19h
Segunda sessão: Planetário e observação da Lua crescente e aglomerados de estrelas por meio de telescópios
Horário: 21h10
Sexta-feira, 17 de junho
Sessão única: Planetário e observação de aglomerados estelares e nebulosas por meio de telescópios
Horário: 20h30

Sábado, 18 de junho
Primeira sessão:
 Planetário e observação de aglomerados estelares e nebulosas por meio de telescópios
Horário:19h
Segunda sessão: Planetário e observação de aglomerados estelares e nebulosas por meio de telescópios
Horário: 21h10
Sexta-feira, 24 de junho
Sessão única: Planetário e observação de aglomerados estelares e nebulosas por meio de telescópios
Horário: 20h30

Sábado, 25 de junho
Primeira sessão:
 Planetário e observação de aglomerados estelares e nebulosas por meio de telescópios
Horário:19h
Segunda sessão: Planetário e observação de aglomerados estelares e nebulosas por meio de telescópios
Horário: 21h10

  

Comentários