Prefeitura realiza ação de conscientização, prevenção e combate à Hipertensão Arterial

O Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf) por meio da Secretaria de Saúde de Artur Nogueira promoveu nessa quarta-feira, dia 20 de abril, o  “Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão Arterial”. A atividade teve inicio às 7h30 na Lagoa dos Pássaros com medição de pressão, palestra preventiva com médico da rede municipal, alongamento e encerramento com café da manhã.

Participaram do evento pacientes atendidos nas Unidades de Saúde da Família, integrantes do grupo de terceira idade ‘Vida Nova’ e pacientes portadores de hipertensão arterial de todo o município. “O Objetivo central da iniciativa é para incentivar a prevenção e o controle da pressão arterial”, informou a Prefeitura por meio de nota.

“Em nossa cidade o cuidado dos pacientes com hipertensão arterial é feito pelas Unidades de Saúde da Família por meio do HiperDia. São prestados a esses grupos, serviços de verificação de pressão arterial, palestras educativas com nutricionistas, fisioterapeutas, psicólogos, educadores físicos, enfermeiros e dentistas. Além disso, são disponibilizadas as academias da saúde com atividades supervisionadas por educador físico e café da manhã”, completou a  nota.

A doença

A hipertensão é o mais importante fator de risco para o desenvolvimento das doenças cardíacas e vasculares no Brasil e no mundo. 25% a 30% dos adultos desse cenário apresentam elevação da pressão arterial, e estima-se que menos de 10% desse imenso universo de pessoas em risco esteja em tratamento correto e contínuo.

No Brasil, onde há mais de 30 milhões de hipertensos, a primeira causa de morte é o acidente vascular cerebral (AVC), seguida do infarto do miocárdio (IM), doenças cuja principal causa é a hipertensão não controlada.Embora outros fatores de risco – como tabagismo, colesterol elevado, diabetes, obesidade, estresse e sedentarismo – sejam também importantes causas das doenças cardiovasculares, a hipertensão destaca-se entre todos.

Matéria: Da Redação/CBA Notícias

 


Comentários