Projeto de lei que cria o Conselho Municipal da Juventude é aprovado na Câmara Municipal de Holambra

De Holambra

O Conselho da Juventude tem como objetivo fomentar o desenvolvimento dos jovens, formulando diretrizes para ações governamentais voltadas à promoção das políticas públicas de juventude, de incentivo à qualificação, empreendedorismo, busca de oportunidades de emprego e renda, estimulando a criação de novos projetos e negócios entre este público.

Além disso, de acordo com a justificativa da propositura, o Governo do Estado de São Paulo lançou o programa “Casa da Juventude”, ao qual o Estado poderá financiar em parceria com as Prefeituras a construção de espaços multiuso de apoio ao público jovem no início da vida profissional.

Dentre os requisitos, as cidades interessadas devem, obrigatoriamente, contar com um Conselho Municipal de Juventude. Recentemente, os vereadores de Holambra promoveram diversas iniciativas para viabilizar a participação do município neste projeto.

O vereador Janderson Adriano Ribeiro (Chiba) juntamente com os vereadores Mario Luiz Sitta (Sitta da Fanfarra), Wilson Barbosa (Bigode) e Eduardo da Silva (Pernambuco) realizaram uma audiência com o Subsecretário da Juventude Luiz Chrysostomo de Oliveira e com o Secretário de Desenvolvimento Regional Marcos Vinholi para oficializar o pedido para inclusão do município de Holambra ao “Programa Casa da Juventude”, na oportunidade ambos se colocaram à disposição para atender a solicitação. “É um projeto que ajudará os jovens na busca de oportunidades de emprego, qualificação profissional, economia criativa, empreendedorismo e convivência. Esse espaço será extremamente importante e benéfico para o município.”, comentou Chiba.

Os vereadores Fabiano Soares e Hermindo Felix fizeram indicações legislativas para criar o Conselho Municipal da Juventude e aderir ao Programa Casa da Juventude. “É extremamente importante que através do Conselho possa se discutir e levar os benefícios necessários para o público jovem, tanto em especialização, como em acesso ao primeiro emprego, empreendedorismo, tecnologia, ciências e tudo mais.”, mencionou Fabiano Soares.

 

 

  

Comentários