Projeto “PSR” completa 1 ano

O Projeto de Abordagem Social e Acolhimento a Pessoa em Situação de Rua da Prefeitura de Mogi Mirim, o PSR, completa nesta quarta-feira (13), um ano de atendimento. Em junho do ano passado, a Secretaria de Assistência Social assinou o Termo de Colaboração com a OSC (Organização da Sociedade Civil) SOS Cristão, de Várzea Paulista. Desde então, ela se tornou a responsável por executar o serviço no município. Com capacidade para atender 15 pessoas, de julho de 2021 a junho deste ano, 838 pessoas em situação de rua passaram na sede do projeto, no Mirante, para pernoitarem, se alimentarem e tomarem banho, sendo que a população local pode fazer uso do projeto diariamente, enquanto que pessoas que estão no trecho podem se utilizar dos serviços por um período de três noites. O projeto também oferece kits de higiene aos usuários e permite a entrada de pets que recebem ração e local apropriado para dormirem. As equipes de abordagem realizam as buscas ativa nas segundas, quartas e sextas-feiras, sendo que aqueles que optam por não deixar a rua recebem kits de inverno para se protegerem do frio. Carol Zavarise, coordenadora do projeto, avalia que neste um ano de atendimento, o PRS se desenvolveu bem, com a adesão da maioria da população em situação de rua que passou a ter acesso à alimentação, higiene pessoal e a um lugar seguro para dormir. “Entendemos que a continuidade dessa política pública é de suma importância no município, a qual já foi providenciada pela gestão uma vez que o chamamento público para casa de passagem já foi aberto e está em andamento”, completou a coordenadora.
A sede do projeto fica localizada na Avenida João Vieira Ramalho, 450, no Mirante.
  

Comentários