fbpx

Reforma na Casa Menotti é custeada por programa do Estado de São Paulo

As obras de reforma da Casa Menotti del Picchia foram iniciadas no mês passado e seguem em andamento. As melhorias no local incluem reparos no telhado, piso, madeiramento, revisão elétrica, adequações de acessibilidade e instalações de equipamentos para combate a incêndios. O prazo de conclusão é de até 10 meses.

Os recursos para custeio da obra foram adquiridos pela SAMI (Sociedade dos Amigos dos Museus de Itapira) junto ao Governo do Estado de São Paulo através do Edital nº 13/2020 do Programa de Ação Cultural – ProAC “Concurso de Apoio a Projetos de Modernização de Museus, Arquivos e Acervos”. A assinatura da parceria entre a SAMI e a Secretaria de Cultura e Turismo aconteceu esse ano.

O custo da obra e valor do convênio é de R$ 100.000,00 e a construtora responsável é a João Dionísio de Andrade Construtora Eireli. É importante ressaltar que esse recurso é exclusivo para essa finalidade e não possui qualquer relação com as verbas que o município recebe e dispende no combate à pandemia do coronavírus. O responsável técnico da obra é o arquiteto Daniel da Silva Fontes e a responsável pelo projeto e fiscalização das obras é a arquiteta Raissa Pereira Cintra de Oliveira.

O principal objetivo do projeto é a possibilidade de se implantar uma nova expografia e modernização do atendimento da Casa Menotti del Picchia, assim como propiciar a maior difusão do acervo. Com a reforma, a Casa terá possibilidade de oferecer para o público em geral uma melhor experiência em relação ao acervo através de exposição de longa duração e temporárias que terão ambientes reformulados para acontecimento e acessibilidade para pessoas portadoras de deficiência em todos os. Outra vertente que será atendida será a facilitação do acesso de pesquisadores ao acervo do museu, que consiste em todo gabinete do escritor, suas correspondências, fotografias, originais publicados e inéditos.

  

Comentários