SENAC ministrará cursos de projeto social do SAMAE

O SAMAE (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) contratou o SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) para ministrar cursos do Projeto Social das obras de reforma e ampliação da ETA (Estação de Tratamento de Água) do Jardim Bela Vista.

O contrato foi assinado na tarde desta quinta-feira, dia 20, pelo superintendente do SAMAE, Elias Fernandes de Carvalho, e o diretor do SENAC de Mogi Guaçu, Marcelo Paganini da Cunha. O valor do investimento é de R$ 116.795,95.

O ato da assinatura contou com a presença da executiva de Compras do SENAC, Samara Jugni Sartori, da assistente social Sandra Aparecida Sales Carrozo e do advogado Emerson Metzkaer, ambos do SAMAE.

O Projeto Social é previsto para obras financiadas com recursos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e outros programas de investimentos sociais do Governo Federal, como o programa Minha Casa Minha Vida.

Foi no contexto do Minha Casa Minha Vida que o SENAC ministrou cursos de capacitação e geração de renda para moradores do Residencial Ypê Amarelo e dos condomínios Pantanal I e II.

No caso da ETA, o SENAC foi contratado para a terceira fase do Projeto Social e abrirá inscrições para iniciar os cursos tão logo o SAMAE conclua a nova licitação para a retomada das obras, o que deve ocorrer em aproximadamente 60 dias.

O prazo do contrato é de 16 meses. Serão ofertados cinco cursos para as comunidades da zona Leste. Alguns cursos serão ministrados na escola do SENAC e outros no CRAS (Centro de Referência em Assistência Social) da Zona Leste.

Os cursos são direcionados a adultos e jovens das comunidades abrangidas, com idade a partir de 16 anos, e variam em carga horária e quantidade de turmas, limitadas a 20 alunos cada. Apenas um dos cursos prevê duas turmas. Os demais terão uma.

CURSOS

  

Comentários