A importância das atividades esportivas para o desenvolvimento intelectual

Fonte: Freepik

Crianças e adolescentes que praticam atividades esportivas tem um melhor desempenho em todas as áreas. Isso se dá por vários motivos importantes, e o principal deles é o fato de que nas primeiras idades, quando há um desenvolvimento de toda estrutura corporal e cerebral, há também o condicionamento da memória cerebral, que guarda todos os movimentos. Ou seja, crianças que começam desde cedo a praticar exercícios tem maiores chances de praticarem durante a idade adulta e serem beneficiados por mais tempo, evitando-se assim adultos sedentários.

Dentre os efeitos positivos de praticar exercícios está um maior desenvolvimento de atividades intelectuais, além de capacidade de tolerância, comprometimento em trabalhos em grupo, motivação para fazer as atividades pedidas, sensação plena de bem-estar, melhora na comunicação com outras pessoas e autoestima elevada. Para a OMS (Organização Mundial de saúde), para obter esses benefícios plenamente, o ideal seria que crianças e adolescentes pudessem praticar pelo menos 60 minutos de atividades físicas por dia.

É importante frisar também que o ideal é escolher uma atividade que seja prazerosa e estimulante. Com relação a isso há várias opções que podem ser feitas individualmente ou em grupo e que trazem vários benefícios:

Atividades individuais ou em grupo como o ciclismo, skate, judô e outras 

 

Fonte: Freepik

Andar de bicicleta é uma atividade lúdica que traz muitas vantagens para quem pratica e é uma das mais comuns entre as crianças. Permite o desenvolvimento de ossos e músculos, estimulando equilíbrio, coordenação e postura. O ciclismo também promove a intensa troca de conhecimentos, não só para as crianças, mas também para adultos. Foi o que ocorreu recentemente com o grupo da EF Pro Cycling, composto por 30 ciclistas de 17 nacionalidades diferentes que usavam o inglês para se comunicar entre si.

Some-se a isso o próprio caráter pedagógico da ação, que contribui para que desde cedo seus praticantes tenham consciência sobre o espaço, reforçando o respeito pelas outras pessoas ao seu redor e valores sociais como solidariedade e companheirismo.

Assim como o ciclismo há também outras atividades praticadas pelos jovens e que trazem pontos positivos. O skate, por exemplo, tão comum entre os jovens, é um esporte que melhora a flexibilidade, sistema vascular e a concentração. Este último item se dá porque seu praticante precisa estar atendo aos movimentos e essa atenção beneficia outras áreas de sua vida, melhorando o desempenho escolar. A concentração aumenta a atenção e foco, e seu praticante também passa a lidar melhor com dificuldades, resolvendo-as mais rapidamente.

Outras atividades como judô, tênis e outras onde os jovens praticam de maneira individual ou em grupo também são altamente recomendáveis. Lembrando que o judô e outras artes marciais prezam sempre pelo respeito e regras, e isto contribui para o desenvolvimento do equilíbrio e comportamento social de quem o pratica, além do aumento do raciocínio tático.

Atividades esportivas em grupo como futebol, volei, handebol, basquete e outros

Fonte: Freepik

Não é à toa que atividades em grupo são as preferidas das crianças, adolescentes e até adultos. Esse tipo de esporte promove a interação, incentiva a socialização com outros colegas, possibilita a visão de estratégias e permite a visão em conjunto. Com essas capacidades, aliadas ao desenvolvimento cognitivo, os garotos podem crescer mais saudáveis e criativos, lidando melhor com suas emoções como raiva, frustração, superação, tristeza, alegria e outros sentimentos.

Outro ponto positivo que também diz respeito à convivência é a promoção de um espírito competitivo de uma maneira saudável. A visão de parceria com seus colegas é um estímulo às competições, melhorando o bem-estar de todos, um trabalho em equipe e o respeito às diferenças e regras já existentes nos jogos.

E sabe no que isso pode melhorar o fator cognitivo? Estudos mostram que alunos que praticam atividades motoras em grupo também passam a conseguir melhores resultados em matérias como português e matemática. Isso acontece porque eles passam a ter uma capacidade ampliada para ler e interpretar textos e também melhoram a memória e passam a resolver questões de cálculo com mais precisão.

Finalizando, podemos considerar que, além de todos esses benefícios apresentados e desenvolvimento intelectual, as atividades físicas e lúdicas podem prevenir danos trazidos pela ansiedade e depressão, trazendo adultos mais saudáveis e em busca de melhores condições de saúde tanto física quanto mental.

  

Comentários