Agentes colhem informações de usuários para emissão do Cartão de Saúde

Os usuários dos serviços municipais de saúde estão sendo cadastrados no sistema Win-Saúde para emissão do Cartão Municipal de Saúde, em procedimento unificado ao cadastro do Cartão do SUS (Sistema Único de Saúde). A meta é cadastrar todos os moradores de Mogi Guaçu.

O procedimento é realizado em domicílio por agentes comunitários de saúde, que registram as informações em tablets para inserir no banco de dados do sistema. O cartão é emitido depois de certificado se não existe cadastro em duplicidade. A Secretaria de Saúde apresentou o Cartão Municipal de Saúde no dia 30 de junho, quando entregou as primeiras 80 unidades, e desde então vem promovendo reuniões com grupos de usuários das unidades de saúde da Atenção Básica.

Desde a apresentação, já foram promovidas oito reuniões nas UBS (Unidades Básicas de Saúde) dos bairros Guaçu-Mirim, Ypê II, Ypê Pinheiro, Jardim Novo I (Zona Norte), Zaniboni I, Centro-Oeste, Itamaraty (Zona Sul) e do Centro de Saúde. Outras reuniões já estão agendadas até setembro. Na segunda e na quarta-feira da próxima semana, dias 29 e 31, haverá reuniões nas USF (Unidades de Saúde da Família) do Chaparral e do Jardim Santa Terezinha, respectivamente.

Além da entrega aos primeiros usuários cadastrados de cada comunidade, o objetivo desses encontros é esclarecer o que é e como será utilizado o Cartão Municipal de Saúde, bem como promover sua difusão pelos usuários presentes. Até o momento foram produzidos 860 cartões. Os que não foram entregues nas reuniões são entregues em domicílio pelos agentes comunitários de saúde. Todos os moradores de Mogi Guaçu, aproximadamente 150 mil habitantes, serão cadastrados e receberão o cartão ao final do processo.

Na atual fase de divulgação, haverá reuniões ainda com funcionários do Hospital Municipal “Dr. Tabajara Ramos”, do Laboratório de Análises Clínicas, do Centro de Especialidades Médicas e da UPA (Unidade de Pronto Atendimento). O Cartão Municipal de Saúde está sendo implantado como parte do processo de informatização geral de toda a rede municipal de saúde e permitirá ao usuário marcar consultas pela internet. Já os médicos terão acesso imediato a prontuários eletrônicos a partir de qualquer unidade.

Outro benefício do cartão é a eliminação de cadastros em duplicidade. A Secretaria de Saúde detectou a existência de cerca de 300 mil registros. Haveria usuário com até três registros diferentes, mas também moradores de outras cidades que teriam informado endereço local para usar os serviços de Mogi Guaçu.

Matéria: Prefeitura de Mogi Guaçu

  

Comentários