fbpx

Agentes Comunitários têm atuação garantida por Paganini em Itapira

Apesar das alterações propostas pelo Ministério da Saúde no quadro das equipes de Atenção Básica, o prefeito José Natalino Paganini assegurou que a formação atual será mantida em Itapira, garantindo assim a atuação dos Agentes Comunitárias de Saúde. Atualmente perto de 80 agentes compõem o quadro das 15 equipes de PSF (Programa Saúde da Família) da Secretaria Municipal de Saúde.

Na manhã de quarta-feira, dia 1º de junho, o prefeito, a secretária de saúde Rosa Ângela Iamarino e a coordenadora da Rede Básica de Saúde, Deise Cega, se reuniram com lideranças da categoria na sala de reuniões do Hospital Municipal para discutir as Portarias 958 e 959 do Ministério da Saúde assinadas em 10 de maio. Falando diretamente aos mais interessados, Paganini firmou compromisso de continuar com os profissionais nas Unidades Básicas de Saúde.

A Portaria 958, de 10 de maio, do Ministério da Saúde, tem como objetivo ampliar as possibilidades de composição das Equipes de Atenção Básica, dando ao gestor a opção de contratar agentes comunitários ou técnicos de enfermagem para atuar nas visitas domiciliares. “A esta composição deverão ser acrescidos, como parte da equipe multiprofissional: agente comunitário de saúde e/ou técnico de enfermagem…”, descreve um dos trechos do documento.

Com a divulgação do documento, várias agentes começaram a ficar preocupadas com os empregos. Na segunda-feira, durante a entrega do Diploma Anna Nery na Câmara Municipal, Paganini já havia anunciado seu posicionamento em relação à portaria. Do mesmo modo agiram o líder do prefeito na Câmara, Maurício Cassimiro de Lima, no plenário na terça à noite, e a secretária de saúde Rosa Iamarino durante entrevista na Rádio Clube de Itapira.

Matéria: Assessoria de Imprensa de Itapira

  

Comentários