fbpx

Após implantação de aplicativo, denúncias de maus-tratos a animais crescem 235% em Jaguariúna

O uso do aplicativo “Jaguariúna – Maus-tratos animais”, lançado pela Prefeitura de Jaguariúna no ano passado, possibilitou um aumento de 235% nas denúncias de maus-tratos e abandono de animais feitas à Polícia Municipal. Os números de registros passaram de 40, em 2019, para 134, em 2020, segundo as estatísticas divulgadas pela Secretaria Municipal de Segurança Pública.

Por meio do app, é possível passar todas as informações sobre o local em que o crime está sendo cometido, características do suspeito e do animal e ainda enviar fotos ou vídeos. Para o caso de o crime estar ocorrendo no momento da denúncia, a ferramenta informa ainda dois telefones: 153 (Polícia Municipal) e 190 (Polícia Militar). Através deles o atendimento será feito imediatamente. O app pode ser baixado nos celulares gratuitamente e está disponível para download nas versões Android e IOS.

“Com o aplicativo, as pessoas estão denunciando mais casos de maus-tratos aos animais, o que ajuda muito o trabalho da Polícia Municipal no combate a esse tipo de crime”, avalia o subcomandante da Polícia Municipal de Jaguariúna, Jozafar Sidiney Gonçalves Pomponet.

Gonçalves lembra que as Informações compartilhadas pelo aplicativo são anônimas e não expõem a identidade do denunciante.

CIDADE AMIGA DOS ANIMAIS

O cuidado com os animais integra a política pública de atendimento de Jaguariúna. A cidade é uma das poucas que possuem um Posto de Atendimento Médico Veterinário Municipal e um Castramóvel. Em 2020, Jaguariúna foi reconhecida, pela segunda vez consecutiva, como cidade amiga dos animais. O município participou do 2º Prêmio Cidade Amiga dos Animais, realizado pela World Animal Protection – Proteção Animal Mundial (WAP) com parceria da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) e Organização Pan-americana de Saúde (OPAS).

  

Comentários