fbpx

Câmara aprova contas de 2014 do Poder Executivo

Em sessão realizada na última segunda-feira, dia 8 de maio, os vereadores da Câmara de Holambra aprovaram por 5 votos a 3 as contas do Executivo do exercício 2014. A decisão ratifica parecer prévio do Tribunal de Contas do Estados de São Paulo, que se posicionou favorável às contas apesar de listar alguns apontamentos. Edison Picão(Edison da Farmácia-PV), Jacinta Heijden(PSDB), Jesus Aparecido(PSD), Lucas Simioni(PP) e Mario Sitta(PSDB) foram favoráveis enquanto Aparecido Lopes(Cido Urso-PTB), Eduardo da Silva(Pernambuco-PSD) e Mauro Sérgio(Serjão-SD) votaram contra a propositura.

Pelo placar de 4 a 3, foi aprovado o projeto de decreto legislativo que dispõe sobre o arquivamento de requerimento de cidadão que denunciava suposto caso de nepotismo. Segundo a denúncia, o nepotismo seria configurado em função do chefe de gabinete do prefeito municipal, Wilson Barbosa, ser tio do vereador Lucas Simioni. Cido Urso, Pernambuco e Serjão votaram contra o arquivamento. Lucas declarou-se impedido de votar, enquanto os demais vereadores votaram favoravelmente.

Cido, Pernambuco e Serjão apresentaram dois requerimentos que abordaram os equipamentos e móveis recentemente encontrados armazenados de forma inadequada no mini sítio. Apenas os autores votaram de forma favorável e ambos foram rejeitados por 5 a 3. O primeiro questionava a destinação e a possibilidade de doação dos materiais. O segundo solicitava a convocação do diretor de saúde, Valmir Iglecias, para dar explicações sobre o assunto.

Utilidade pública

Durante a sessão o projeto de Lei 012/2017, de autoria do Executivo, passou por leitura e será analisado pelas comissões permanentes da Câmara. O projeto declara de utilidade pública a Associação de Controle Populacional e Reabilitação Animal de Holambra (Arca de Holambra).

Também foram apresentadas cinco indicações solicitando melhorias à Prefeitura. Jesus Jesus da Farmácia pediu que cada unidade de saúde do município tenha um veículo à disposição para facilitar a visita de profissionais da saúde a pacientes. Requisitou também a construção de uma base de apoio da Guarda Municipal no Imigrantes.

Jacinta Heijden também foi autora de duas indicações. A vereadora solicitou a troca de todos os pontos de ônibus por estrutura de madeira, tendo como modelo histórico o primeiro ponto de ônibus do município, de forma a incrementar o cenário turístico. Pediu também que o Executivo analise a possibilidade de conceder aos guardas de trânsito equipamentos de EPI(Equipamento de Proteção Individual) e adicional de periculosidade. Já o vereador Cido Urso solicitou a liberação do prédio da Terceira Idade para realização de bailes, que seriam organizados pelos próprios integrantes, para arrecadação de recursos financeiros.

A próxima sessão da Câmara acontecerá no dia 15 de maio, a partir das 19 horas, na sede do Legislativo.

  

Comentários