Campanha de prevenção à dengue começa com nebulização na região central

A região central de Mogi Guaçu recebeu nebulização de inseticida nas noites de sexta-feira, sábado e domingo, dias 1, 2 e 3, para evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti e conter o avanço da dengue.

A operação foi deflagrada pela Secretaria de Saúde através da Vigilância Epidemiológica devido ao número de casos positivos da doença que só em janeiro superou a quantidade do ano passado inteiro.

Em apenas três semanas de janeiro, foram confirmados 17 casos, ante apenas 14 das 53 semanas de 2018. A região central recebeu nebulização devido à tendência da dengue irradiar para os bairros da periferia.

A equipe de nebulização foi escoltada por uma guarnição da Guarda Civil Municipal durante todo o trajeto. Um carro de som seguiu à frente para avisar os moradores.

Foi a primeira ação da Campanha de Prevenção à Dengue lançada pela Secretaria de Saúde na sexta-feira com a finalidade de impedir que se repita a epidemia de 2015, que teve cerca de 15 mil casos positivos.

Como a nebulização é eficaz somente contra o Aedes aegypti na forma alada e não larvas, é imprescindível que a população colabore eliminando criadouros. O mosquito transmite também os vírus de zika e chikungunya.

  

Comentários