Dia de Campo da Unifeob integrará empresas da região e universitários

Os preparativos para o evento programado para julho começaram com o plantio de batatas na Fazenda-Escola da instituição e a renda será revertida para a caridade.

O curso de Engenharia Agronômica está organizando o Dia de Campo, um evento programado para julho de 2021. Ele será realizado de acordo com todos os protocolos de segurança vigentes e seu principal objetivo é integrar empresas, universitários, docentes, profissionais do agronegócio e toda a comunidade interessada em conhecer novidades sobre o assunto.

Diversos estandes serão montados na Fazenda-Escola para cada empresa apresentar seus produtos, tecnologias e estratégias de cultivo. Organizado pela Unifeob, Cooperbatata e Associação dos Bataticultores de Vargem Grande do Sul (ABVGS), o evento tem, até o momento, a participação e colaboração de Yara Brasil, Iharabras, UPL Brasil, FMC Agrícola, Compass Minerals, Syngenta, John Deere Terra Verde e Bauer do Brasil.

“O Dia de Campo será feito com os produtores da nossa região e com nossos estudantes, que poderão visualizar na prática o que aprendem em sala de aula, desde trato de solo, plantio, tratos culturais e colheita, tudo que envolve a produção de batata”, relata o coordenador de Engenharia Agronômica, José Rodolfo Brandi. “Buscamos cada vez mais parcerias com empresas, que precisam de mão de obra especializada, para aproximá-las dos futuros engenheiros agrônomos da Unifeob, que passam a ter contato com elas desde o começo do curso”.

Plantio

O primeiro passo foi preparar a terra e plantar, na manhã de terça-feira (11), cerca de dois hectares de batatas em um campo experimental da Fazenda-Escola da Unifeob. A ação contou com a presença de estudantes do Grupo de Estudos em Sistemas de Produção (Gesp) e do Grupo de Estudos em Cafeicultura (Gecaf).

“Isso é muito importante, porque traz outros conhecimentos aos nossos estudantes”, pondera o docente Victor Florencio. “Nós vamos ter diferentes pacotes voltados a defensivos agrícolas, fertilizantes, estratégias, tratos culturais, manejo, tudo relacionado à batata. Além disso, um dos nossos propósitos é integrar as empresas e os universitários, que vão ter a oportunidade de fortalecer seu networking”.

Tecnologia

Para o engenheiro agrônomo Fábio de Oliveira, da Cooperbatata, a iniciativa é de fundamental importância para a região. “A gente está estimulando nossa cultura principal, que é a batata, e dando a oportunidade de os estudantes da Unifeob verem como é o dia a dia dessa cultura”, explica Fábio. “É um projeto de grandes parcerias e só tem a agregar, tanto para a bataticultura quanto para os acadêmicos em geral”.

O processo de plantação é quase totalmente mecanizado. “A gente trabalha com máquinas de alta tecnologia, guiadas por GPS, com muita precisão no plantio”, conta Fábio. “Procuramos trazer o máximo possível de produtos novos para fazer o melhor, um campo de alta qualidade, tecnologia e muito ganho para os estudantes”.

Caridade

Além de todo o aprendizado dos processos, a disseminação do conhecimento no dia do evento, a integração de diferentes setores e a possibilidade de expansão de networking, o Dia de Campo também contribuirá diretamente com a sociedade. “Atendendo a um pedido da ABVGS, toda a produção desse campo experimental de batata será revertida como doação para instituições assistenciais por meio da Associação Setembro de Vargem Grande do Sul”, finaliza José Rodolfo.

  

Comentários