Judoca jaguariunense conquista faixa preta

Matéria: Kely Bezerra

O judoca jaguariunense José Vitor Moreira de Souza, categoria SUB 21 – Médio (até 90 kg), conquistou a graduação Sho-Dan (faixa preta) no último dia 19 de outubro, em São Paulo. José Vitor treina judô desde os seis anos e, ao longo dos 12 anos de dedicação ao esporte, conquistou o título de Campeão Regional em 2009 e Vice-Campeão Inter-Regional em 2017, em Cosmópolis.

Ele declara: “Minha maior conquista no judô não foi o título de campeão regional. Nesses 12 anos, o judô foi fundamental para a minha saúde física, mental e na formação do meu caráter. A filosofia do judô – de alcançar a máxima eficiência com o mínimo de esforço – é aplicada em tudo o que eu faço na vida. Meu objetivo sempre foi alcançar a faixa preta. Eu pensava: Eu vou conseguir; não importa o que aconteça. Quando eu conquistei essa vitória, passou um filme na minha cabeça, o da minha trajetória, e eu pensei: Eu consegui. É meu!”.

A graduação Sho-Dan é o primeiro dos cinco graus da faixa preta e José Vitor pretende treinar judô pelo resto da vida. Para obter a faixa preta, o judoca precisou se preparar o ano inteiro, realizando cursos específicos e pedagógicos. “Meus pais sempre me incentivaram, só tenho que agradecer a eles. Eles estavam presentes na hora da minha conquista. É muito clichê, mas não há palavras. Quando você pega a faixa preta quer dizer que você está apto para ensinar o judô”, explica o atleta.

 


Comentários