Mogi Guaçu : Educação anuncia ampliação de até 100% das aulas presenciais para 1º de outubro

A partir do dia 1º de outubro, a rede municipal de ensino de Mogi Guaçu ampliará o retorno presencial das aulas em até 100 % dos alunos nas escolas, acompanhando a diretriz do artigo 3º do Decreto Municipal nº 65.384 de 17 de dezembro de 2020. A medida é válida para os cerca de 18 mil estudantes da rede, que incluem Educação Infantil e Educação Fundamental I e II.

Desde a retomada das aulas presenciais, em 28 de julho, a capacidade das salas está limitada a 35% deste número. No entanto, o retorno presencial total será feito de forma gradativa. Antes, no dia 8 de setembro, as unidades escolares passarão a atender com até 60 % de sua capacidade.

A ampliação da capacidade de atendimento em toda a rede atende a um pedido do prefeito Rodrigo Falsetti, quando vistoriou as unidades escolares na retomada das aulas presenciais.

“Nossas escolas estão preparadas para receber os alunos com segurança, respeitando todos os cuidados sanitários preventivos. Desta forma, poderemos resgatar a relação direta entre professor e aluno, tão importante para o aprendizado”, declarou.

De acordo com a secretária de Educação, Ana Flávia Camargo Barbosa Chiorato, para retomada geral das atividades presenciais, os estabelecimentos municipais de ensino deverão cumprir todas as regras constantes nos protocolos sanitários e nas regulamentações expedidas pela Secretaria de Educação.

“A Secretaria de Educação está incumbida de acompanhar e avaliar este processo, bem como as mudanças no cenário social devido ao risco iminente da pandemia da Covid-19, podendo a qualquer momento emitir nova regulamentação, a fim de zelar pelo processo de aprendizagem e de saúde”, destacou.

Apesar da ampliação, o retorno permanece opcional e o conteúdo continua disponível de modo híbrido com retirada de material nas escolas, porque a presença não é obrigatória e, com isso, pais ou responsáveis decidem se enviam ou não os filhos.

“Enquanto perdurar o período de emergência ocasionado pela pandemia do novo coronavírus, o retorno dos alunos às aulas presenciais será facultativo, a critérios dos pais ou responsáveis que deverão expressar a opção por escrito junto às unidades escolares”.

Mudança
Os alunos da Emef Prof. Maria Diva Franco de Oliveira continuarão realizando as aulas de forma remota até o dia 30 de agosto, período em que o Consultório da Esperança ainda estará utilizando as dependências da unidade escolar. No dia 8 de setembro, as aulas presenciais nesta escola também retornarão com até 60% do atendimento de seus alunos.

Já os estudantes da Emef Santa Terezinha II – CAIC – terão as aulas ministradas, a partir de 8 de setembro, nas salas das Faculdades Integradas Maria Imaculada (FIMI).

  

Comentários