Posse apresenta desempenho positivo em arrecadação de ICMS

De acordo com o índice divulgado pela Secretaria da Fazenda do Estado, Santo Antônio de Posse apresentou um aumento de 5,31% de arrecadação do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias), resultantes de operações e prestações ocorridas no município. Esta porcentagem representa o valor de R$861 milhões de reais gerados pelas empresas localizadas no território possense.

O índice demonstra os percentuais preliminares de participação dos municípios paulistas no produto de arrecadação do ICMS, apurados em 2020, para aplicação no exercício de 2021.

Em comparação com os municípios da região, Santo Antônio de Posse só fica atrás de Holambra, que apresentou um aumento de ICMS de 9,37%. As cidades de Jaguariúna e Mogi Mirim tiveram leves altas de 1,03% e 1,05%, respectivamente. Artur Nogueira obteve índice negativo, com -0,85%, assim como Engenheiro Coelho, que viu uma diminuição de 13,70%.

O aumento percentual de arrecadação mostra o trabalho sério executado pela fiscalização e controle tributário do município durante os últimos quatro anos de gestão. O resultado também influenciará na parcela do IPM (Índice de Participação dos Municípios) a ser recebida, uma vez que, este índice representa o percentual, pertencente a cada município, a ser aplicado em 25% do montante da arrecadação do ICMS.

  

Comentários