Proerd realiza formatura de 400 alunos da rede municipal

Foi realizada na segunda-feira, dia 11 de dezembro, no Teatro Municipal Dona Zenaide, a formatura dos alunos da rede municipal de ensino que participam do Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência (Proerd).

Este é um projeto desenvolvido pela Polícia Militar para estudantes das escolas públicas de 9 a 13 anos, com o objetivo de fomentar e propagar lições de conscientização e aprendizado de cidadania, prevenção contra o uso de drogas e a prática da violência.

A solenidade contou com a presença do presidente da Câmara, Romilson Silva, dos vereadores Afonso Silva e Neguita, do Inspetor da Guarda Municipal Araújo, da Gerente da Associação Comercial Katia Camargo, do Superintendente Administrativo do Hospital Municipal Manoel Azevedo, do Sargento Cavalcante, Major Adriano e Coronel Denilson. Todos os convidados compuseram a mesa de honra e puderam prestigiar o evento de graduação de aproximadamente 400 alunos.

A festividade contou também com a apresentação da Banda Municipal Paulo de Moraes Penteado, sob a regência do maestro Rinaldo Zamai, que encantou a todos os presentes.

O presidente da Câmara Romilson Silva, agradeceu a Polícia Militar pelo trabalho que vem sendo feito com as crianças no município em relação ao combate às drogas e violência e parabenizou os alunos que concluíram com êxito o curso do Proerd.

“Essas crianças são o futuro da nossa cidade e o programa traz importantes princípios e conceitos para a formação delas”, destacou.

O soldado Tiago Almeida, responsável pelo programa na cidade, explicou que o sucesso do Proerd depende de um perfeito entrosamento entre a escola, a família e a polícia. “É um programa que permite às crianças desenvolverem uma atitude positiva em relação às autoridades e respeito pelas leis. E as lições aplicadas têm por objetivo desenvolver neles a autoestima, controle de tensões, civilidade, além de ensinar técnicas de autocontrole e resistência às pressões dos companheiros que incentivam o uso de droga. O Proerd envolve os estudantes, os pais e os educadores, na realização das tarefas e isso faz com que todos participem mais diretamente do processo de combate à violência e às drogas. Portanto, além de cultivar a vida, esse projeto permite que a polícia esteja mais próxima da comunidade. Fica registrado meu agradecimento a todos que contribuíram de alguma forma com o programa”.

A formatura contou com a participação do mascote do Programa, um personagem de um enorme leão simpático e carismático chamado Daren, que conversou, dançou e encantou a todos.

Matéria e fotos: Susi Baião

  

Comentários