Selvagens à Procura de Lei faz show no Profeta Pub em Mogi Guaçu

Após um ano de agenda lotada, a Selvagens à Procura de Lei dá continuidade a turnê Praieiro que em 2016 passou por mais de 20 cidades em todo o Brasil. Desta vez, o show ocorre no O Profeta Pub, no sábado, dia 11 de março, às 22h.

Na ocasião, além dos sucessos “Brasileiro” e “Despedida” (Selvagens à Procura de Lei – 2013), o repertório será composto por músicas do mais recente trabalho, Praieiro (2016), que se tornou um símbolo de referência às tardes livres, que deixaram de ser tão frequentes desde que o grupo de rock se mudou – em 2013 – de Fortaleza para São Paulo. Inclusive, a deslocalização geográfica do grupo influenciou diretamente nas novas canções. De refrão explosivo, “Tarde Livre” ainda remete às origens praieiras do grupo. A faixa escolhida como single de abertura do disco, já ultrapassa 440 mil visualizações no YouTube.

Selvagens à Procura de Lei @ Mogi Guaçu

Local: O Profeta Pub

Data: 11 de março (sábado)

Endereço: rua Vereador J. R. Franco,39, Centro, Mogi Guaçu-SP

Horário: A partir das 22h

Ingressos: R$ 20 (antecipado) | R$ 30 (na porta)

Vendas online:  http://migre.me/w7Ewl

Mais informações: http://migre.me/w7EuH

Sobre Selvagens à Procura de Lei

Saída de Fortaleza, a banda Selvagens à Procura de Lei foi formada em 2009 por Rafael Martins (voz e guitarra), Gabriel Aragão (voz e guitarra), Caio Evangelista (voz e baixo) e Nicholas Magalhães (voz e bateria). O primeiro álbum Aprendendo a Mentir (2011) foi elogiado por nomes relevantes do cenário nacional e responsável por catapultar o rock do Selvagens aos quatro cantos do país. Em 2013, o disco homônimo veio reforçar o talento do garotos radicados em São Paulo e aumentar a já relevante fanbase do grupo. Financiado através de uma campanha de crowdfunding, Praieiro (2016) foi um pedido do estabelecido e crescente público da banda.

Selvagens à Procura de Lei na web

sapdl-por-pedro-margheritoSite Oficial

Facebook

Instagram

Twitter

YouTube

Spotify

Deezer

Napster

  

Comentários