Servidores municipais fazem mobilização contra o Aedes em Itapira

Os servidores municipais de diversos setores da Prefeitura fizeram essa semana uma grande mobilização para o combate de criadouros e do mosquito Aedes aegypt. Em diversos casos a ação também envolveu a comunidade.

A atividade compôs a Semana Estadual de Mobilização Social proposta pela Sucen (Superintendência de Controle de Endemias) do Governo do Estado de São Paulo contra o Aedes aegypti e para eliminação de criadouros.

Apesar de Itapira apresentar quadro de apenas um caso positivo de dengue em 2020, diversas cidades da região estão em situação de epidemia, o que faz com que as autoridades itapirenses mantenham o alerta e reforcem as estratégias de combate do mosquito transmissor da doença.

Em alguns locais como CVT, Paço Municipal, Departamento de Trânsito, SAAE e Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente o trabalho foi de limpeza de calhas, ralos, roçagem e eliminação de criadouros.

Já a Secretaria de Promoção Social envolveu pais e adolescentes atendidos pelo CRAS III, no bairro José Tonolli, em atividades educativas. No Centro Dia do Idoso, os idosos participaram de uma oficina de reciclagem de garrafas PET.

A Secretaria de Educação também realizou atividades com os alunos. Na EMEB “Marco Antonio Libano dos Santos”, por exemplo, as crianças do Período Integral fizeram leitura compartilhada com o tema dengue.

Ainda dentro da programação da Semana Estadual de Mobilização Social, a Vigilância Epidemiológica promoveu, nos dias 13 e 14, duas capacitações junto aos profissionais Agente de Combate a Endemias iniciantes e estagiários do Uniesi (Centro Universitário de Itapira).

Apesar da mobilização proposta pela SUCEN compreender apenas o período entre 10 e 14 de fevereiro, as secretarias e setores da municipalidade continuam com as atividades de prevenção e eliminação dos criadouros de maneira ininterrupta.

  

Comentários