Câmara aprova moção em apoio a projeto de permanência obrigatória de fisioterapeutas nas UTI’s do Estado

Durante a última sessão da Câmara Municipal de Holambra realizada no último dia 11 de maio, o presidente do legislativo, Lucas Barbosa Simioni apresentou uma moção em apoio ao Projeto de Lei nº 137/2020, que possui como ementa a obrigatoriedade da permanência de fisioterapeutas nas UTI’s do Estado de São Paulo. A iniciativa que tramita na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) é de autoria da Deputada Estadual Janaína Paschoal e foi aprovada por unanimidade entre os vereadores da Casa de Leis.

O projeto tem como objetivo oferecer aos pacientes internados, serviços terapêuticos de suma importância para o tratamento de cidadãos acometidos por várias enfermidades e que necessitam de tratamento intensivo. A matéria é também um apoio as normativas da ANVISA, modelo já adotado em outros Estados do país.

De acordo com o presidente Lucas Barbosa Simioni, a moção foi criada após o contato de um representante da classe dos fisioterapeutas, “eu tenho um amigo da área e entrei em contato para me inteirar do assunto e ele me disse que já existe uma regulamentação da Anvisa nesse sentido, mas como a gente sabe, a regulamentação não tem a mesma força de uma lei, por isso fiz essa moção para dar apoio para que os hospitais tenham sempre fisioterapeutas nas UTI’s,” comenta.

“Pra quem não sabe, os fisioterapeutas além de todo o trabalho que a gente já conhece, principalmente nessa fase de coronavírus estão sendo muito importantes, são eles que fazem a intubação dos pacientes, todo esse trabalho minucioso e tão essencial nos dias de hoje,” completou o representante do legislativo.

A próxima sessão acontece no dia 18 de maio a partir das 19h e pode ser acompanhada pelo site da Câmara Municipal de Holambra (http://tvcamaraaovivo.net/cmholambra/).

Indicações

Além da moção, quatro indicações fossem apresentadas em sessão. A vereadora Jacinta Elizabeth van den Broek Heijden solicitou ao departamento de saúde a aquisição de uma UTI Móvel para o atendimento de suspeitos e contaminados pelo novo Coronavírus. Já o vereador Aparecido Lopes da Silva Lima, pediu ao departamento responsável que verifiquem na Farmácia Municipal e em todos os PSF’s se tem medicamentos vencidos.

O representante do legislativo Jesus Aparecido de Souza pediu a contratação de médico na especialidade Geriatra, com objetivo de cuidar e orientar os idosos durante a pandemia e a vereadora Naiara Regitano Hendrikx, solicitou ao executivo a implantação de um programa que possibilite uma parceria com iniciativa privada para a doação de câmeras de segurança para as unidades de ensino em Holambra.

  

Comentários