fbpx

Como evitar déficit de atenção das crianças na volta às aulas

Início de ano é época de planejamento, principalmente para quem tem filhos em idade escolar: antecipar-se aos problemas pode garantir um ano letivo de intensas descobertas. Para evitar dor de cabeça com déficit de atenção e baixo rendimento escolar, o Supera Ginástica para o Cérebro oferece um curso que facilita o aprendizado.

O método, que trabalha múltiplas inteligências, inclui uso do ábaco, jogos educativos e dinâmicas em grupo. Com apenas duas horas semanais, os alunos aprendem a se concentrar, ganham agilidade de raciocínio e melhoram o comportamento.

Como toda habilidade cognitiva, a atenção melhora com a prática. Ao fazer exercícios para o cérebro, o aluno consegue manter a atenção e processar maior número de informações.

“Muitos pais decidem procurar cursos de reforço escolar quando o filho já tirou notas baixas e corre o risco de ser reprovado. O ideal é começar a treinar o cérebro antes mesmo de as provas começarem, porque assim ele terá mais facilidade para absorver os ensinamentos”, afirma Antônio Carlos Guarini Perpétuo, presidente-fundador do Método Supera de Ginástica para o Cérebro.

Engenheiro de formação, Antônio Carlos desenvolveu o método para mostrar aos filhos como eles são capazes de tirar boas notas sem grandes esforços, aproveitando-se simplesmente das habilidades que o cérebro tem.

O ideal é estimular o cérebro constantemente. Alguns treinamentos até podem ser feitos em casa, mas com um método adequado, o professor especializado e a disciplina do curso, o rendimento estará assegurado.

O Supera é um método de desenvolvimento cognitivo que potencializa habilidades como atenção, concentração, memória, raciocínio lógico e agilidade de raciocínio.

A principal ferramenta pedagógica do Supera é o ábaco, instrumento de cálculo milenar muito utilizado pelos orientais, além de jogos educativos, desafios lógicos e neuróbicas (aeróbicas para neurônios). Os alunos apresentam melhora da autoestima, maior capacidade de relacionamento e resolução de problemas diários.

A rede Supera- Ginástica para o Cérebro possui mais de 90 unidades espalhadas por todo om território brasileiro e já treinou mais de 20.000 alunos.

  

Comentários