Flores de Holambra serão entregues na Maternidade para médicas e enfermeiras pela dedicação às novas mães

Por meio de doação da Cooperativa Veiling de Holambra, as médicas, enfermeiras, funcionárias e colaboradoras da instituição receberão flores na saída de seus turnos na sexta e sábado

O Hospital Maternidade de Campinas quer aproveitar o Dia das Mães para celebrar a vida. Por meio de doação da Cooperativa Veiling de Holambra, as médicas, enfermeiras, funcionárias e colaboradoras da instituição receberão flores na saída de seus turnos, nesta sexta-feira (amanhã) e no sábado, como forma de agradecê-las por auxiliarem as mães a trazerem ao mundo os novos habitantes do planeta.

Mãe é a mulher que gera uma vida. Na atualidade, para que seus bebês nasçam com toda a assistência médica e hospitalar possível, essas mulheres contam com o auxílio de outras mães no momento do parto. No Hospital Maternidade de Campinas – o maior em número de partos do interior do país –, são cerca de 800 médicas e enfermeiras, além das funcionárias e colaboradoras que, por meio de seu trabalho contínuo, auxiliam mais de 900 pacientes por mês a se tornarem mães em suas instalações. Por isso, elas serão homenageadas com flores no Dia das Mães, como forma de agradecimento pelo trabalho que realizam com muito profissionalismo, atenção e carinho, ajudando a nascer as próximas gerações.

A homenagem para essas centenas de mães que trabalham na Maternidade será nesta sexta (dia 8 de maio) e no sábado (dia 9), com a entrega de flores doadas pelos produtores de Holambra por meio da Cooperativa Veiling. Elas receberão vasos de violetas ao deixarem os seus turnos, para que possam levar o presente direto para casa. A entrega ocorrerá em quatro horários distintos, já que a maior parte do corpo clínico e das funcionárias e colaboradoras trabalha no regime de plantão: das 6h às 7h, das 12h às 13h e das 16h às 19h, na sexta, e das 6h às 7h, no sábado. Também receberão flores as pacientes que tiverem alta hospitalar nesses dois dias.

Violetas

A escolha pelas violetas não foi casual. Essas delicadas e coloridas flores são perenes (não morrem), de fácil manejo e ideais para presentear a quem o trabalho exige plantões em qualquer horário ou dia da semana. Alegres, elas combinam com qualquer ambiente e cabem em qualquer lugar, embora fiquem ainda mais lindas se colocadas próximas às janelas ou varandas onde possam recebam luz indireta do sol.

“A violeta é uma flor modesta, mas cheia de significado. Praticamente todas as flores têm alguma lenda que as acompanha. Na era medieval acreditava-se que as violetas serviam de proteção contra os maus espíritos. Suas folhas eram usadas em curativos, pomadas e antissépticos e, como tratamento para a insônia, fazendo com que a flor fosse associada também à cura. Elas eram ofertadas como símbolo de amor e fidelidade. Na simbologia moderna, as violetas são vistas como plantas indicadas para o lar, representativas da família. Por isso as escolhemos para homenagear essas mães que garantem toda a assistência para ajudar a trazer os bebês ao mundo”, explica Thamara D´Angieri, gerente de Marketing da Cooperativa Veiling Holambra

“O nascimento é um dos grandes momentos em que podemos celebrar o milagre da vida. É um momento de transformações para a mãe e para o bebê. Ter confiança em um profissional, garante a tranquilidade que as nossas pacientes precisam nessa hora. As nossas médicas, enfermeiras, funcionárias e colaboradoras, como mães, sabem muito bem como transmitir essa segurança. Por isso, a nossa homenagem às mães que escolheram a missão de prestar toda a assistência possível para outras mães nesse momento”, diz o presidente do Hospital Maternidade Campinas, Carlos Ferraz.

  

Comentários