fbpx

Obras no acesso ao Imigrantes começam na próxima semana

A construção de calçamento e ciclofaixa na via de acesso ao Parque Residencial Imigrantes, antiga reivindicação dos moradores do bairro, terá início na próxima semana. O convênio que garante os recursos necessários para a execução da obra foi assinado pelo prefeito Fernando Fiori de Godoy na última quarta-feira, dia 15 de junho, em Jaguariúna, durante reunião de prefeitos da Região Metropolitana de Campinas (RMC).

O projeto, que será executado ao longo de aproximadamente 650 metros da Rua Van Aken, já foi licitado e terá cerca de R$ 300 mil em investimentos vindos do Fundo de Desenvolvimento da RMC, o Fundocamp. A área, que integrava uma propriedade particular, foi adquirida no início do ano passado pela Prefeitura e recebeu intervenções, feitas com recursos municipais, para instalação de tubulação para escoamento de água pluvial.

De acordo com Dr. Fernando, a construção de calçamento seria feita originalmente com recursos de uma emenda parlamentar que foi prejudicada pela crise. A partir disso, o município passou a buscar novas alternativas para o financiamento do projeto.

“Conseguimos a confirmação dos recursos do Fundocamp no ano passado, mas somente agora os municípios puderam celebrar o convênio para início das obras”, explicou.

Além de Holambra, outras 19 cidades celebraram convênios com o Fundo na última quarta. Somados, os municípios da RMC investirão R$ 8,1 milhões em projetos voltados à mobilidade urbana como o que será executado em Holambra, no acesso ao Imigrantes.

“Sabemos da importância dessa obra para todos os moradores do bairro Imigrantes e lutamos muito ao longo dos últimos anos para torná-la realidade. Estamos muito felizes de poder anunciar que os trabalhos serão retomados e de forma definitiva”, afirmou Dr. Fernando.

Defesa Civil também terá investimentos

O segundo projeto cujo convênio foi assinado essa semana pelos prefeitos da região refere-se à Plataforma para Redução de Riscos de Desastres da RMC. Serão investidos R$ 3,6 milhões do Fundocamp – R$ 180 mil por município – para aquisição de um veículo, tipo picape, equipado com instrumentos técnicos e operacionais indispensáveis para o enfrentamento de situações de desastres. Holambra também será contemplada com o investimento.

 

Matéria: Nathália Lima

  

Comentários