Polícia Civil recupera mais lotes de carga roubada, em dois comércios da cidade

Esta semana, a polícia civil de Jaguariúna apreendeu em dois comércios da cidade, mais dois lotes de bebidas roubadas. Ao todo 125 fardos foram apreendidos em um bar no bairro Miguel Martini.

O proprietário do estabelecimento falou com nossa equipe de reportagem e confirmou que havia comprado as bebidas por um preço mais em conta e sem nota, mas disse não saber que era produto roubado. “Comprei as bebidas de um homem que apareceu no meu comércio e ofereceu as mercadorias. Disse que a cada 15 dias iria passar nos comércios, tinha boa aparência e parecia mesmo ser um vendedor. Comprei 125 fardos e paguei em dinheiro, nem passou pela minha cabeça ser produto roubado, achei o preço bom e comprei”, disse o proprietário do bar.

Outro estabelecimento foi no bairro Planalto, no qual o proprietário, foi um dos homens, que a polícia prendeu em flagrante na operação anterior. No local estava a esposa dele que disse que apenas tomava conta do bar, atendia os clientes e quem comprava as mercadorias era o marido que está preso. Os dois pagaram fiança e foram liberados, mas vão responder por receptação.

Essas mercadorias fazem parte da carga recuperada na semana passada, pela polícia civil, no qual, cinco homens foram presos em flagrante, suspeitos de participação em esquema de roubo de cargas.

As prisões aconteceram na madrugada de terça-feira, 27, no bairro Colméia em Jaguariúna. Os policiais civis, Alexandre e Carlos, que pertencem ao Setor de Investigações Gerias – SIG, de Jaguariúna, juntamente com agentes da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Mogi Guaçu, faziam uma investigação de roubo de cargas quando descobriram um barracão no bairro Colméia e resolveram monitorar.

Os suspeitos tentaram fugir mas foram presos.  No estabelecimento havia duas cargas, uma da Ambev e outra da Kaiser. Foram recuperados 20.160 garrafas de cerveja (600 ml), em caixa em pallets,  20.340 latas de cerveja Brahma, 900 garrafas de Original, 20.472 latas de cerveja Antarctica, 27.456 latas de cerveja Brahma Zero, 2004 garrafas pet de H2O Citrus e 4.020 H2O Limoneto.

Segundo a polícia, os produtos são de dois roubos ocorridos alguns dias antes na cidade de Itatiba e Mogi Mirim, avaliada aproximadamente em R$ 250 mil reais. Além das mercadorias também foram recolhidos três veículos incluindo um caminhão, além de uma empilhadeira, aparelhos celulares, documentos e cartões. Três dos envolvidos residem em Jaguariúna e dois em Campinas. De acordo com a polícia as investigações continuam e mais estabelecimentos serão vistoriados.

Matéria: Susi Baião

  

Comentários