PSF do Jardim Maria Helena volta a funcionar normalmente

Na segunda-feira, dia 21 de agosto, o PSF Jardim Maria Helena voltou a funcionar normalmente, após período de interdição e reformas. O prédio seguia impossibilitado de receber atendimentos desde a tempestade que atingiu a cidade, ocasionando danos em parte da estrutura do posto.

Com 50% do telhado tendo sido arrancado com a forte chuva, a secretaria de saúde da cidade vinha direcionando os atendimentos para o centro de especialidades. Agora, os moradores que residem próximos ao posto, podem se direcionar diretamente até unidade de saúde.

As obras de manutenção do prédio só foram iniciadas após quatro meses da casualidade, justificada pelo departamento de obras e engenharia, devido aos danos terem ocorridos no começo do mandato da nova gestão, além do levantamento orçamentário da obra, tempo de divulgação de edital e o próprio sistema de licitação, ocasionando certa burocracia para realização da reforma.

A entrega do prédio se deu no prazo de 50 dias, antes do especulado pelos órgãos competentes, que previa 60 dias, mesmo com o contrato com a empresa responsável datado para três meses.

Segundo documentos divulgados pela prefeitura, a estimativa do valor gasto para a realização da manutenção foi de R$ 83.185, 16, sendo a somatória do valor direto de custo de R$ 69.113,62, mais o BDI – Benefícios e Despesas Indiretas, R$ 14.071,53.

Fotos: ASCOM

  

Comentários