Setor imobiliário adota estratégias para reagir aos impactos do COVID-19

Desde o início deste ano, o mundo vem lidando com a pandemia do COVID-19, o novo coronavírus. A doença afetou milhares de pessoas e vitimou outras centenas. No Brasil, o número de casos confirmados e mortes vem crescendo. Mais do que um problema de saúde pública, o COVID-19 tem modificado a rotina das pessoas e cidades e impactado diretamente a economia.

Para se ter uma ideia da gravidade dessa situação, a Bolsa de Valores de São Paulo acionou seis circuit breaker (paralisação total das operações) apenas em março. Algo parecido com isso só havia acontecido há 12 anos, na grande crise de 2008. Os analistas pontuam que embora todos os setores sintam os impactos causados pela doença, alguns deles servem como termômetro que sinaliza uma possível recuperação. Um destes é o setor imobiliário.

O setor imobiliário é o primeiro a se beneficiar nos tempos de investimentos – uma vez que gera milhares de empregos, movimentando a economia – e também o primeiro afetado pelas crises. Desde janeiro, os fundos imobiliários, apontados até então como boas e seguras alternativas vem se desvalorizando. Em menos de 3 meses, as cotas de dois dos fundos mais negociados no mercado brasileiro – XP Malls e HSI Malls – já devolveram toda a valorização de 2019. No ano passado, essas carteiras haviam registrado alta de 32,6% e 23,8%, respectivamente. Quando olhamos para o Ifix (Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários da B3), temos uma queda de 21% no primeiro trimestre. O ano anterior marcou valorização de 36%.

Minimizando os impactos da pandemia

Diante desse cenário econômico, as incorporadoras do setor imobiliário, vem adotando estratégias para minimizar e reverter os efeitos causados pelo COVID-19. Gladston Tannous, arquiteto e coordenador geral responsável pelo empreendimento residencial Flor d’Aldeia, a ser lançado em Mogi Mirim, pontua a necessidade de oferecer alternativas para os compradores. “Temos observado com muita atenção toda a movimentação da economia e a reação do mercado às notícias da pandemia. Aplicações financeiras, bolsa, dólar, euro, tudo isso é muito volátil, enquanto bens de raiz (imóveis em geral) são um porto seguro para quem quer preservar seu patrimônio. Acreditamos que o caminho mais adequado é facilitar e viabilizar o acesso das pessoas aos seus desejos de compra”.

Gladston reforça ainda que a demanda por empreendimentos imobiliários continua e que é preciso continuar a atender com atenção e qualidade a todos que procuram por esses investimentos. “Antes da explosão do coronavirus, havíamos feito um evento no qual estiveram presentes mais de 200 interessados em investir no Flor d’Aldeia. Esse número é muito significativo para nós, pois representa um recorte bastante favorável do mercado. Para essas pessoas e para todos que querem comprar, temos trabalhado com crédito facilitado pelo próprio empreendedor, sem burocracia e com opções de pagamento acessíveis. Essas ferramentas, à disposição do comprador, são ainda mais importantes agora para demonstrar que, embora os tempos sejam desafiadores, existem boas oportunidades de negócio. É um investimento seguro e com valorização acima dos índices econômicos”

O modo de atendimento do Flor d’Aldeia de Mogi Mirim também se adaptou ao cenário do COVID-19. “Buscando reforçar o nosso compromisso de atender da melhor forma possível e em respeito aos nossos colaboradores, temos seguido à risca as orientações das autoridades de saúde, privilegiando os canais digitais para reuniões e negociações. É uma mudança necessária, mas que não nos impede de continuar realizando o nosso trabalho em respeito ao nosso público alvo”, conclui.

Sobre o Flor d’Aldeia

Residencial horizontal localizado em Mogi Mirim-SP, o Flor d’Aldeia alia sustentabilidade a bem-estar e bem-viver contemplando conforto, lazer e segurança em um espaço verde diferenciado, sofisticado e moderno. Além de contar com controle de acesso 24 horas, é o único loteamento com energia subterrânea, fibra óptica e outros diferenciais que somente empreendimentos com a marca Toekan oferecem.

  

Comentários